06 outubro 2014

5 mitos sobre acnes



Quando o assunto é acne, todo mundo diz as mesmas coisas: "Não coma chocolate", "lave o rosto várias vezes ao dia", "evite usar muita maquiagem"... Mas será que isso tudo esta certo?
 Por ser uma doença muito comum, a acne tem muitos mitos ao seu redor.. E em base de pesquisas descobrimos algumas coisinhas para deixar vocês por dentro do assunto: 


1. Somente adolescente têm acne
Mito. A espinha  pode aparecer em mulheres mais velhas também. Isso acontece porque as causas desse problema são várias: entupimento dos poros da pele, excesso de oleosidade, alterações hormonais e até pelo uso de medicamentos. E isso pode rolar com mulheres de diversas idades. As pessoas costumam falar que espinha é coisa de adolescente porque, nessa fase da vida, a pele costuma ser mais oleosa. 

2. Usar make piora a acne
Mito. As espinhas só vão piorar se a pele for muito oleosa e a maquiagem utilizada for pesada e também oleosa.  É aconselhável o uso de produtos oil free e não comedogênicos – ou seja, produtos que não obstruem os poros -.

3.  Deve-se espremer a espinha
Mito. Isso deixa cicatriz, prolonga o processo inflamatório da lesão e provoca outras. 

4.  Espinha não tem cura
Mito. Existe cura sim! O tratamento varia de acordo com o grau da acne, para os casos mais complicados, há antibióticos que aliviam o problema. Eles regulam a produção de gordura pelo organismo, deixando a pele menos oleosa. Mas olha lá em, nada de tomar medicamento por conta própria, esse tipo de medicamento só pode ser usado quando for indicado por um médico.

5. Espinha só aparecem no rosto
Mito.  Que ela irrita muito mais quando aparece no meio da testa é um fato, mas é comum ter acne nas costas e nos ombros também. E a regra continua sendo a mesma, nada de cutucar: use um sabonete que ajude a diminuir a oleosidade daquela região.





Nenhum comentário:

Postar um comentário